Vale-alimentação | Dicas para o benefício durar mais

por | 15/05/2021

Como fazer o vale-alimentação durar mais?

É sempre um desafio para os trabalhadores conseguirem fazer seu vale-alimentação durar até o final do mês. Muitas vezes falta crédito para comprar itens necessários, por isso é fundamental seguir algumas dicas para economizar e otimizar o uso do seu cartão.

O vale-alimentação é um benefício ofertado pelas empresas para que o trabalhador possa fazer a compra de alimentos em supermercados, hortifrutis, mercearias, padarias, açougues, entre outros estabelecimentos.

É uma maneira de garantir uma melhor alimentação aos colaboradores e dar mais liberdade para fazer as compras, sem ter que se preocupar tanto com os gastos. Com um cartão alimentação, o profissional tem um crédito pré-estabelecido para fazer a compra de produtos alimentícios como quiser.

Frequentemente, os trabalhadores chegam ao fim do mês e não possuem mais crédito em seu cartão alimentação para fazer aquelas últimas compras necessárias, antes da renovação. Por isso, preparamos algumas dicas de como fazer o vale-alimentação durar mais, garantindo que ele seja bem melhor aproveitado.

Confira algumas dicas para fazer seu cartão alimentação durar

O vale-alimentação é um benefício muito importante que, se for usado corretamente, pode garantir todas as compras indispensáveis para o mês inteiro. Por isso, confira algumas dicas valiosas de como otimizar o uso do seu cartão.

 

Compre somente o necessário

Um dos grandes problemas que levam o vale-alimentação a acabar antes do fim do mês é o gasto excessivo com itens não tão necessários. Por isso, faça uma lista das prioridades e coloque um limite de gastos em cada compra. A melhor maneira de economizar e fazer o cartão alimentação durar mais é planejar. Programe suas idas ao supermercado e não saia da lista comprando coisas a mais.

 

Organize os alimentos que comprar

Quando chegar com as compras, organize os itens de acordo com a data de validade. Coloque as coisas mais novas no fundo do armário e as mais velhas na frente. Dessa forma, todos os alimentos vão ser consumidos e você não terá problemas de desperdícios caso as comidas fiquem vencidas, o que implicaria em mais gastos do seu cartão alimentação. 

 

Leve alimentos de casa para o trabalho

Para quem recebe vale-alimentação ou até mesmo vale-refeição, é a melhor maneira de economizar para não precisar gastar com restaurantes, lanchonetes ou idas ao supermercado todos os dias. Por isso, se for possível, tente separar alguns dias para preparar comida em casa e levar para o trabalho.

 

Cuidado com os extras

Doces, refrigerantes, sobremesas e outros alimentos “extras” podem acabar pesando no seu cartão alimentação. Por isso, busque deixar esses itens ou para o fim do mês ou no fim da sua lista de compras. 

Na hora do almoço, por exemplo, esses alimentos podem ser bem mais caros em restaurantes ou lanchonetes do que no supermercado. Então tente economizar nesses gastos o máximo que puder.

 

Busque promoções em aplicativos de delivery

Diversos aplicativos de delivery aceitam vale-alimentação e acabam saindo bem mais em conta. Sempre existem promoções ou cupons de desconto que fazem toda a diferença, e é possível inclusive comprar em supermercados por meio de delivery.

Mas cuidado para não exagerar. É sempre importante ter consciência e não usar seu cartão alimentação com itens supérfluos. 

 

Procure as promoções

Quando for usar seu vale-alimentação, busque sempre as promoções, alimentos mais em conta, supermercados mais baratos. Faça comparações de preços entre estabelecimentos e entre produtos. É a maneira mais fácil de economizar com seu vale-alimentação e fazer ele durar até o final do mês.

Vantagens para a empresa e para o colaborador

O vale-alimentação é um benefício muito interessante, tanto para o colaborador quanto para a empresa que o oferta. 

Através do cartão alimentação, os funcionários conseguem fazer a compra de alimentos durante o mês, de forma mais livre e econômica. É possível escolher entre diversos estabelecimentos e garantir maior praticidade e segurança. Também contribui para uma melhor alimentação, mais completa e saudável, gerando maior qualidade de vida.

Não existe obrigação por parte da empresa de oferecer o vale-alimentação. Esse programa de benefícios faz parte do PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador), uma iniciativa governamental que incentiva os empregadores a garantir alimentação de qualidade aos funcionários. Pode ser gerenciado pela própria empresa ou por uma administradora de cartão benefício, o que torna o processo bem mais simples.

Apesar de não ser obrigatório, existem inúmeras vantagens de aderir ao vale-alimentação. Primeiro, ele garante o cadastro gratuito no PAT, que concede descontos no imposto de renda anual. Além disso, é uma ótima estratégia para melhorar o desempenho dos colaboradores.

Com isso, a equipe fica mais motivada e satisfeita, influenciando diretamente na produtividade. Terceirizar a gestão desse recurso através de uma administradora de cartão benefício é a melhor maneira de assegurar a gestão do vale-alimentação e manter uma maior segurança, controle e economia.

× Como podemos te ajudar?